sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Asas de Águia

Paz, amados

Venho hoje novamente compartilhar mais uma palavra que vem do coração de Deus. É uma palavra que já veio ao meu coração no ano passado, mas voltou esse momento da minha vida em que tenho passado por tantas mudanças... Enfim... A palavra está em Isaías 40:31, que diz assim:

"Mas o que esperam no Senhor renovam as suas forças, sobem com asas como águias, correm e não se cansam, caminham e não se fatigam."

Na sexta-feira passada eu estava muito abatida. A semana havia sido muito corrida, eu havia trabalhado muito e estava me sentindo fraca, não só fisica, mas espiritualmente também. Por causa disso, eu permiti que muitas "vozes" que me oprimem entrassem na minha mente e me colocassem pra baixo. Ahhhh, como me senti mal! Me senti um lixo!!! Cheguei a perguntar ao Senhor por que Ele tinha me chamado. "Por que, Senhor? Eu não sou nada... Eu não tenho nada para dar... Sou uma incapaz!". Eu me lembrei que a minha líder havia solicitado que eu preparasse uma palavra para introduzir o culto dos jovens em uma igreja, que o ministério de louvor havia sido convidado para cantar, e devia preparar isso para o dia seguinte. Eu disse: "Ahhh, Senhor, logo agora??? Mas eu não tenho nada pra ofertar!!!"... Chorei muito, me angustiei... Fui dormir numa tristeza que fazia dó... Acordei com essa palavra e o Senhor começou a ministrá-la ao meu coração.

"Mas os que esperam no Senhor renovam as suas forças...". Isso era o que eu precisava no momento: de forças renovadas... Eu estava aos caquinhos e muito cansada. Jesus fala em sua palavra: "Vinde a mim todos vocês que estão cansados e sobrecarregados, e Eu os aliviarei" (Mt 11:28). Com essa palavra continuei a meditar no restante do versículo... "Os que esperam no Senhor [...] sobem com asas como de águias"... Puxa, tive um estalo!!! Você tem voado na presença do Senhor? [já ministrei pra vocês no blog sobre algo semelhante]... O Senhor queria que eu voasse, mas eu não estava entendendo. Só me lamuriando, chorando, reclamando de cansaço... Mas é nesse momento que o Senhor quer ver a nossa fé. Não é quando tudo está bem. Voar quando estamos felizes, apaixonados, e quando vai tudo bem é muito fácil, não é? Mas voar quando nos sentimos amargurados e tristes é mais difícil... Entretanto, é justamente nesse momento que o Senhor quer que voemos. rs... Aleluia! Ele garante que quando confiamos e esperamos nEle, os problemas não são capazes de nos aprisionar. Podemos voar, porque Ele já nos fez livres!!!!!! "Se pois o filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres"!!! (João 8:36). Livres do pecado, livres do peso da condenação, livres dos jugos que são colocados nos nossos ombros, livres das feridas do passado, livres... Livres!!!!!! Só não somos livres dos problemas, mas de tudo o mais já fomos libertos e por isso podemos voar.

Sabem por que o Senhor quer que voemos??? Porque quando voamos podemos olhar todas as coisas segundo a Sua perspectiva. Quando não voamos, ou alçamos vôos curtos (como as galinhas), a nossa visão é horizontal e não é pra menos que enxergamos os problemas e dificuldades como gigantes. Mas quando voamos como águias... ahhhhh, tudo se torna diferente, pois nós olhamos do alto, de um ângulo que só podemos olhar através do Senhor, e aí, queridos, os problemas que eram "gigantes" se tornam "formigas".

É nessa dimensão que o Senhor quer que vocês voem... Não se deixem aprisionar mais, uma vez que já foram libertos. Tomem posse dessa palavra para a vida de vocês e conquistem ares mais altos... Lugares que o Senhor mesmo quer levar vocês para conquistar.

Um abraço!!!! Até a próxima...

sábado, 15 de agosto de 2009

Deus zeloso

Paz, queridos
Venho hoje compartilhar sobre algo que pensei nos últimos dias. Pensava sobre coisas na minha vida, situações que passei e que não entendi no momento... Na hora dava aquela dor, sabe? Mas depois, refletindo sobre isso, pude perceber que tudo isso era somente uma coisa: o zelo de Deus por mim. Mas, afinal, o que é zelo?

Zelo significa "cuidado". Vocês já pensaram sobre o que se requer para cuidar de um filho nos nossos dias?
- Educação: tanto de casa, com os pais ou responsáveis, tanto da escola, os estudos que complementam a formação de um indivíduo
- Necessidades básicas: alimentação, moradia, cuidados de atenção básica (levar a médicos, dentista, etc)
- Empatia: amor, atenção, carinho, escuta
- Correção: quando o filho age errado, necessário se faz que seja corrigido, para que o comportamento disfuncional não perpetue.

Bem, eu não sou mãe, e acredito que possam existir outras necessidades que não coloquei acima... mas pelo menos o básico está, não é? Mas agora vamos pensar em algo... Falamos do que se requer para a criação de um filho, um pai terreno, que não é perfeito. Já imaginou como é o nosso Pai celestial??? Ele é a própria perfeição, sendo um Pai zeloso. Assim como o pai terreno, Ele também oferece cuidados necessários para o cuidado de um filho... Vejamos...

- Educação (de casa*): A educação de casa se refere aos momentos que passamos a sós na presença do Senhor. Somente nós e o Senhor, em Sua intimidade. Ele nos educa através da sua santa Palavra, nos instruindo pelo Espírito. "Lâmpada para os meus pés é a tua palavra, e luz para o meu caminho" Sl 119:105; "A lei do Senhor é perfeita e restaura a alma; o testemunho do Senhor é fiel e dá sabedoria aos símplices; Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração, o mandamento do Senhor é puro e ilumina os olhos" Sl 19:7,8

- Educação (da escola*): Sabemos que a igreja é o corpo do Senhor... Não é da noiva de Cristo que me refiro agora. Eu me refiro a igreja local que congregamos. Lá é como se fosse uma escola para nós... Tanto que aos domingos pela manhã, nós chamamos de "Escola Bíblica Dominical", seguido do culto ao Senhor. Ali, aprendemos com irmãos escolhidos pelo Senhor para nos instruir, nos ensinar mais acerca da Palavra de Deus. Vale ressaltar que a educação da escola nunca deve substituir a educação que o próprio Senhor oferece na Sua intimidade com Ele. "Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para encher todas as coisas; E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres. Com vistas ao aperfeiçoamento dos santos para o desempenho do seu serviço, para a edificação do corpo de Cristo" Ef. 4:10-12.

- Necessidades básicas: O Senhor não permite que nada venha nos faltar. Não estou falando de coisas que desejamos, estou falando do que precisamos! Deus sabe o que precisamos para o nosso dia-a-dia, e Ele não permite que o básico venha nos faltar. "O Senhor é o meu Pastor e nada me faltará" Sl 23:1; "Fui moço e já, agora, sou velho, porém jamais vi o justo desamparado, nem a sua descendência mendigar o pão" Sl 37:25. Como não lembrar do cuidado de Jesus com a multidão que o ouvia pregar, e se compadeceu deles por não estarem alimentados fisicamente para partir? Ele mesmo rogou ao Pai, e houve multiplicação dos pães e peixes, e todos foram fartos (João 6:1-13).

- Empatia: O Senhor nos revela o Seu grande amor através de Cristo. "Porque Deus amou ao mundo de tal maneira, que deu o Seu filho unigênito para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna" João 3:16; "Os olhos do Senhor repousam sobre os justos, e os seus ouvidos estão abertos ao seu clamor" Sl 34:15.

- Correção: "Porque o Senhor corrige a quem ama e açoita a todo filho a quem recebe. É para disciplina que perseverais (Deus vos trata com filhos); pois que filho há que o pai não corrige? Mas, se estais sem correção, de que todos se têm tornado participantes, logo, sois bastardos e não filhos. Além disso, tínhamos os nossos pais segundo a carne, que nos corrigiam, e os respeitávamos; não havemos de estar em muito maior submissão ao Pai espiritual e, então, vivermos? [...] Toda disciplina, com efeito, no momento não parece ser motivo de alegria, mas te tristeza; ao depois, entretanto, produz fruto pacífico aos que têm sido por ela exercitados, fruto de justiça" Hb 12:6-9,11.

Interessante como através da Palavra podemos perceber o zelo do Senhor como algo tão real nas nossas vidas. Não é fácil se submeter a educação do Pai... Acho que isso não é fácil, mesmo porque quantas vezes nós nos rebelamos contra a educação dos nossos próprios pais carnais, que tentando fazer o melhor, fazem coisas que no momento não entendemos... Bem, estar sujeito a autoridade não é algo realmente fácil. Precisamos ter um coração obediente e quebrantado para nos sujeitarmos aos nossos pais (e honrá-los em amor), e quanto mais ao nosso Pai celeste, que muito mais faz por nós, não é mesmo? Deixo essa mensagem para reflexão...

Abraços! Deus os abençoe!!!!!

domingo, 9 de agosto de 2009

Aba Pai - Dia dos Pais

A graça e a paz do Senhor inunde os corações de vocês, leitores do blog
Vim aqui rapidinho para postar algo. Na verdade era para ter feito isso mais cedo, para que conseguisse fazê-lo ainda no dia dos pais, mas não deu... rsrsrs.
Bem, como sabemos, ontem comemoramos o Dia dos Pais. Glória a Deus por isso! Agradeço ao Senhor por me conceder um pai tão maravilhoso, zeloso e amável... Realmente tanto o meu pai quanto a minha mãe não mediram esforços para me dar o melhor, mesmo quando sacrificavam algo em relação a eles mesmos. Isso não quer dizer que tenham sido perfeitos. De jeito nenhum!!! Mas não os trocaria por nada...
Não sei se vocês tiveram o mesmo privilégio que eu. Talvez não tenham tido... Se porventura isso aconteceu com algum de vocês, imagino que seja muito difícil, mas não permita que esse dia seja ruim para você, não permita que as lembranças dos maus momentos venham entristecê-lo. Tenho uma mensagem para você agora.
Existe um Pai que não quer o seu mal. Existe um Pai que tem sonhos maravilhosos para você, pensamentos de bem, e não de mal. Existe um Pai que quando você chora, deseja colocá-lo no colo e enxugar as suas lágrimas. Existe um Pai que comemora com você quando você consegue uma vitória. Existe um Pai que sonhou com você, mesmo antes de você estar sendo formado no ventre de sua mãe. Existe um Pai que quer se aproximar, e conversar com você, e fazê-lo conhecer o mais profundo do Seu coração. Existe um Pai que é tão amoroso e zeloso que chegou ao ponto de entregar o Filho dEle só para que você tivesse a oportunidade de se aproximar dEle. Existe um Pai que nunca desiste de você, mesmo quando você entrega todos os pontos. Esse Pai é o Senhor! Ele o ama, muito! E Jesus nos ensinou a chamá-lo de "Abba". Sabe o que isso significa? "Papai". Esse Deus, que às vezes você pensa que está tão longe de você, que nunca olhou para você, está aí, bem pertinho, só esperando você O chamar. Se você não tem o privilégio de comemorar o "Dia dos Pais" com um pai terreno, ou mesmo alguém que tenha sido o seu "pai" simbólico (hoje em dia existem tantas mamães que são como um paizão, não é mesmo?), olhe para o céu e contemple o seu Papai olhando para você, esperando que você O chame e abra o seu coração para o Seu amado Filho, o Senhor Jesus.
O Senhor diz em Sua palavra: "Se alguém me ama, guardará a minha palavra; e meu Pai o amará e viremos para ele e faremos nele morada". João 14:23. Deus entregou o Seu filho para que através dEle nós fôssemos feito também filhos Seus. Ele quer ser o seu Pai, mas para tanto, precisa tão somente que você reconheça o Seu amor por você, ao entregar o Seu próprio Filho por você.
"Papai, agradeço-Te por ser Sua filhinha amada. Agradeço-te porque através de Jesus fui aceita por Ti como filha e posso de perto sentir o Seu amor. Todos os dias damos-Te glória, mas nesse Dia dos Pais, Senhor, deixo a Ti a minha dedicação, o meu amor por Você, que é o meu Amado Pai Celeste."

video

E a todos que lêem, que também são papais, um Feliz Dia dos Pais.

Um abraço! Até a próxima...

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

quinta-feira, 6 de agosto de 2009

Você morreria por Jesus?

A paz do Senhor seja com todos aqueles que lêem
Ontem assisti a um filme que me incomodou muito. MUITO! Tem como título "Pedro", contando a história do discípulo do Senhor, que três vezes O negou temendo a morte, e ao fim da sua vida, morreu de morte de cruz. Parei para pensar no porquê do meu incômodo... Eu amo o Senhor. Amo mesmo! Mas não sei se estaria pronta para morrer por Ele. Estou confessando algo a vocês aqui. Sinceramente, eu gostaria de não ser covarde assim... Eu me imaginei em um desses países onde o evangelho é proibido, morrendo por Cristo... e, creiam, não consegui ver isso! Tive medo! Eu imaginei a perseguição vindo sobre o nosso país, pois até então somos livres para tanta coisa... Existe uma igreja cristã em cada esquina, várias lojas de artigos cristãos, Bíblias disponíveis a quem quiser ler, canais só voltados para a Palavra de Deus. Somos muito privilegiados. Mas me pergunto até quando!!! Até quando??? Será que vamos continuar assim, nessa liberdade total? Enquanto estamos aqui, clamando por "bênçãos sem medida", os sinais da volta de Cristo estão se cumprindo. É uma onda de pregação sobre prosperidade, sobre não aceitar lutas, sobre tanta coisa que é avessa à pregação de Jesus... E vocês? Vocês tem se preparado para Sua volta? Vocês tem se preparado para a perseguição que poderá vir sobre a igreja? Essa é uma realidade da qual não iremos fugir. [E na verdade, o que o crente mais deseja é que o Senhor volte, pois iremos morar com Ele eternamente!]

Reflitam... Jesus os abençoe!

Um abraço!